Os que me seguem

terça-feira, 4 de agosto de 2015

Colegio 2

Meninas que estudaram no Mello Leitão na época da Penha...vou contar um causo que aconteceu.
Na Penha tínhamos dois prédios uma sede e um outro bem distante. O acontecido foi na sede.
Fui para trabalhar no técnicas agrícolas que logo acabou, ficou só o formação de professores. Com isso fiquei na coordenação. Minha função era abrir e fechar a escola, remanejar alunos e professores se preciso fosse, fazer horário e algumas coisitas mais.
Em uma segunda feira coube a mim abrir a escola. Tinha que chegar bem cedo naquela escola isolada e no meio do mato. Eu era uma menina, tinha uns 23 anos. Ainda não dirigia, meu marido me deu uma carona e me esperou abrir a porta.
Antes de abrir ouvi um miado de gato, não liguei, abri a porta. Saiu lá de dentro um gato enfurecido e imagino eu, morto de fome. Ele me encarou e começou a correr atrás de mim. Corri para o carro e entrei. O danado do gato pulou em cima do carro e começou a arranhar o vidro. Estava raivoso. Depois de muito tempo resolveu ir embora e eu ainda temerosa entrei na escola. Tinha coco de gato por todo lado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigos,
Comentem se tiverem vontade, eu responderei dentro do possível