Os que me seguem

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Felicidade

Hoje é dia 01 de junho de 2010 e sou feliz.

A duras penas consegui resgatar em mim a menina-mulher que sou hoje.

Tomei uma resolução difícil de ser tomada, vir morar em Lumiar.

A decisão já tinha sido tomada, mas estava difícil de colocar em prática por motivos óbvios: ficar longe do meu amor, dos meus filhos e do Alexandre. Era necessário, eu precisava ser egoísta e pensar em mim. Se me perguntarem se foi fácil ficar longe deles, não vou mentir. Muitas vezes dormi chorando.

Quem não me conhece se espanta. Abandonou a casa, os filhos, o marido? Não abandonei ninguém. Continuo amando e sendo amada pelo mesmo homem com quem me casei há 32 anos. Continuo presente na vida dos meus filhos e do Alexandre. Só não estou mais ranzinza e nem chata.Agora eu sou só amor.

Estou mais leve, mais feliz, mais mulher, mais amiga. E quando olho no espelho consigo ver, apesar dos meus cabelos brancos, aquela menina que eu fui.

Um comentário:

Amigos,
Comentem se tiverem vontade, eu responderei dentro do possível