Os que me seguem

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Quero minha vida de volta

Paz de Deus esteja convosco.
Eu vivo um drama particular. Tenho 4 filhos todos criados e muito bem. Amigos,companheiros, trabalhadores e felizes. Tenho um marido maravilhoso. Minha vida ia super bem, trabalhava e me aposentei. Logo após a essa aposentadoria em que pensava que ia ser dona do meu nariz. Já que filhos estavam criados e eu cheia de sonhos e entusiasmo. Ia fazer um curso de teologia, ia estudar mais. Fazer artesanato...cheia de planos.
Fui apresentada a uma mãe que estava passando por dificuldades com um bebê de 8 meses por uma série de motivos. Ela, a mãe, não tem parentes e é mãe solteira... Eu, então fui cuidando dessa criança para a mãe trabalhar e me apegando a ela.
Esse menino, hoje tem 4 anos é uma criança muito doente, já operou o coração. E eu sempre do lado deles, porque a mãe nunca deixou de ser mãe...eu pego ele em casa de manhã e entrego de noite...toda manhã é isso. O grande problema é que estou esmorecendo, amo demais esse menino, e ele me adora tb. Minha família toda trabalha e a responsabilidade dele é minha.
A mãe, é uma mulher possessiva e revoltada com a vida, desconta sempre nele e eu sou o porto seguro dele.Mas juro para o senhor, estou esmorecendo, minha vida parou, não faço nada a não ser criar esse menino...acordo pensando nele e deito pensando... Quero de novo a minha vida de volta, não sou madre Teresa de Calcutá, meu coração está triste.
O que devo fazer? Se eu parar de criá-lo ele não terá chance na vida então eu peço uma oração, um alento ao meu coração...preciso continuar mas ....
Ajude-me Luciani

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigos,
Comentem se tiverem vontade, eu responderei dentro do possível